Menu

Acesse nossa rádio também nas redes sociais: 

16 99776 -1011


São Carlos ganha o 20º aeroporto internacional do país

07 DEZ 2017
07 de Dezembro de 2017

O anúncio da internacionalização do Aeroporto Mário Pereira Lopes, em São Carlos (SP), foi feito pelo prefeito Airton Garcia durante coletiva de imprensa nesta última quarta-feira (6), no Paço Municipal, acompanhado de Alexandre Peronti, diretor do Centro de Manutenção LATAM; Luiz Carlos Rombola, representando o superintendente do DAESP, Fábio Calloni, do vereador Marquinho Amaral, representando a presidência da Câmara Municipal e o deputado federal Lobbe Neto, do vereador Paraná Filho, DE Waldemar Zanette, procurador do município e do vice-prefeito e secretário municipal de Habitação e Desenvolvimento Urbano, Giuliano Cardinali.

 

A internacionalização possibilitará que os pousos de aeronaves com procedência internacional sejam realizados diretamente no Aeroporto de São Carlos, sem a necessidade de pousar e decolar em outro aeroporto internacional para depois fazer o traslado para São Carlos. Com a decisão, há permissão para aeronaves do exterior realizarem manutenção e reparos em São Carlos antes e depois de voos.

 

A portaria n.º 3998, de 1º de dezembro de 2017, que designou como internacional o Aeroporto de São Carlos, por tempo indeterminado, foi publicada no Diário Oficial da União nesta última quarta-feira (6), pelo Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil/Agência Nacional de Aviação Civil por meio da Superintendência de Infraestrutura Aeroportuária.

 

“O processo de internacionalização do aeroporto de São Carlos começou em 2009, passou outras duas administrações, e este ano obteve manifestação favorável do Ministério da Agricultura, por meio do Sistema de Vigilância Agropecuária Internacional (VIGIAGRO), Receita Federal e da Polícia Federal, além da Comissão Nacional de Autoridades Aeroportuárias (Conaero). Em março desse ano o superintendente do DAESP, Fábio Calloni, esteve em São Carlos para verificar a estrutura da área de saúde da cidade para atender a possíveis ocorrências com a internacionalização do aeroporto, pois dentre as exigências da ANAC, a questão da saúde era uma delas. Durante esses anos todos fomos cumprindo o protocolo de exigências e hoje recebemos o desfecho favorável, explicou Waldemar Zanette, procurador do município que trabalhou no processo pelo município.

 

Alexandre Peronti, diretor do Centro de Manutenção LATAM em São Carlos, ressaltou que a empresa deve absorver mais 14% do total de aeronaves que hoje fazem manutenção em centros de outros países. “A LATAM possui 306 aeronaves, sendo que 50% faz a manutenção aqui em São Carlos, 30% no centro do Chile e 20% em centros de outros países. Com a internacionalização vamos aumentar a nossa competitividade e a previsão é que aumente em 14% o recebimento de aviões do exterior e com isso entre mais R$ 63 milhões por ano no país”.

 

Quanto aos investimentos, o diretor do Centro de Manutenção da LATAM, garantiu que somente para a recuperação do prédio para acomodar os órgãos públicos já foram investidos mais de R$ 1 milhão. “Estamos com toda a logística disponível. Em fevereiro de 2018 já iremos receber a primeira aeronave de outro país e para isso basta agendarmos com os órgãos envolvidos, ou seja, VIGIAGRO, Anvisa, Receita Federal e Polícia Federal”.

 

Peronti disse, também, que a empresa irá fazer novas contratações.  Vamos aumentar o quadro de mão de obra direta, porém ainda estamos trabalhando para chegar aos números finais”.

 

Para o vereador Marquinho Amaral a conquista foi um trabalho de união política. “Esse é um exemplo que quando os políticos da cidade se unem em torno de uma mesma causa, a vitória é certa. “Eu e o deputado Lobbe Neto, por exemplo, estávamos trabalhando nessa causa há mais de 10 anos. Lobbe trabalhou desde a desapropriação do aeroporto, quando ainda era deputado estadual. Nós estávamos na Câmara e sempre participamos passo a passo do processo”, concluiu o vereador que também parabenizou o prefeito Airton Garcia e os ex-prefeitos pela conquista.

 

De acordo com vice-prefeito é uma vitória importantíssima para o município. “Não somente os empregos serão mantidos como também serão abertas novas vagas. Se o processo não fosse aprovado, a empresa poderia mandar as aeronaves para manutenção em um outro centro fora do país, diminuindo as atividades em São Carlos, o que poderia ocasionar demissões. Esse é um primeiro passo para outras conquistas”, avaliou Giuliano Cardinali.

 

O prefeito Airton Garcia comemorou a conquista e agradeceu todos que trabalharam para essa vitória. “Vamos ser o 20º aeroporto do Brasil. Sorocaba, Ribeirão Preto e Araraquara também pleiteiam internacionalizar os seus aeroportos, mas vencemos. É uma conquista importante para a região toda, pois agora vencida essa primeira etapa vamos iniciar outro processo. Neste primeiro momento, a internacionalização do Aeroporto Estadual Mário Pereira Lopes será exclusivamente para translado de aeronaves para manutenção, por isso a partir de agora vamos trabalhar para tornar o nosso aeroporto de transporte de carga aérea, um terminal de cargas”, finalizou o prefeito agradecendo os seus antecessores”.

 

Antes da internacionalização as aeronaves de outros países precisavam pousar em um aeroporto internacional, aguardar dois dias pelo processo de importação, para depois vir para o Centro de Manutenção de São Carlos. No retorno também era necessário outros dois dias com os trâmites de exportação, a partir de agora será necessário somente 24h para entrada e saída de São Carlos.


Fonte: Prefeitura Municipal de São Carlos

Voltar

Início      A rádio      Programação     Contato


DBC COMUNICAÇÕES S S LTDA
Rua Episcopal, 2717 Centro São Carlos -SP
16 3307 1011 / 16 3307 1012